Dicas de segurança para casas com crianças

Sem dúvida, crianças em casa é diversão e alegria garantidas, mas, também é preocupação, principalmente, com a saúde e segurança, afinal, acidentes acontecem e, muitas vezes, bastando para isso um pequeno descuido.

Felizmente, algumas medidas simples podem ajudar, e muito, a evitar surpresas desagradáveis e idas à emergência, e é isso que mostraremos a seguir,  dicas simples de segurança. Confira!

Brinquedos e objetos perigosos

Para impedir acidentes, muito comuns, como engasgar ou engolir objetos, a dica é evitar brinquedos e deixar alguns objetos bem longe da visão.

Também tenha muito cuidado com objetos com peças que se desprendam com facilidade, pois elas também podem provocar graves acidentes em casa.

Assim, mantenha itens como canecas, talheres, tesouras, isqueiros, cerâmica, vidros guardados em lugares apropriados, como em gavetas, armários ou caixas de ferramentas com tranca ou em locais fora de alcance.

cuidados com criança pequena em casa
cuidados com criança pequena em casa

Janelas, escadas e piscinas

Para quem mora em apartamentos, casa de dois andares e possui escadas, ou piscina em casa, a dica é instalar grades, telas ou redes de proteção nas janelas e piscinas, além de impedir que seu filho não fique sozinho nessas áreas perigosas, principalmente, no caso de piscinas, deve mantê-lo o mais longe possível.

Mas, como nem sempre é possível vigiá-los o tempo todo, e bastam poucos segundos para acontecer todo tipo de acidente, no caso da piscina, todo cuidado é pouco, procure envolvê-la com grades de, pelo menos, 1,5 m de altura e que não possam ser escaladas, e investir em portões travados com cadeados para impedir que sejam abertos sem sua permissão.

Cozinha e seus perigos

A cozinha costuma ser o local com mais riscos às crianças, com a presença de gás, fogo, objetos cortantes, utensílios pontiagudos. 

Por isso, evite a presença de crianças nesse cômodo. 

Mas, como sabemos que nem sempre isso é possível, então, ao menos, procure manter as facas e vidros fora do alcance das crianças.

E o Fogão, embora esteja dentro do quesito Cozinha, por ser um utensílio muito perigoso, merece uma atenção especial.

Prefira sempre cozinhar usando as bocas de trás do fogão, tomando o cuidado de virar os cabos das panelas para a parte interna do fogão, para não correr o risco de queimaduras.

Gás de cozinha

Se possível, o botijão de gás deve ficar do lado de fora da casa, ou em algum local de difícil acesso para crianças pequenas, assim, caso aconteça algum vazamento diretamente dele, não haverá perigo de intoxicação por inalação de gás.

Quanto isso, para tornar a casa mais segura, pense na instalação de um detector de vazamento de gás, que emite um sinal sonoro caso esteja com algum vazamento.

Fósforos e velas

Cuidado com fósforos e velas! Guarde-os em local seguro e longe do alcance das crianças.

Toalhas

Evite usar toalhas de mesa compridas demais, pois oferecem riscos para as crianças, que podem se apoiar nelas, com isso, virem a se machucar com a queda de objetos cortantes, ou copos de vidros e líquidos quentes.

Tapetes

Apesar de embelezarem qualquer ambiente, os tapetes também podem causar muitos e terríveis acidentes domésticos. 

Por isso, se não puder removê-los, deixá-los só para quando tiver visitas, procure substituí-los por tapetes antiderrapantes, principalmente no banheiro.

Área de serviço

A área de serviço é um local que merece atenção especial, até porque, geralmente, é lá que ficam os produtos de limpeza, que por terem cores atrativas, acabam chamando a atenção das crianças que, muitas vezes, os confundem com bebidas, sucos ou refrigerantes.

Por isso, a dica é manter os produtos químicos fora do alcance dos seus filhos, em lugares com tranca ou bem altos.

Banheiro e Vaso Sanitário

Acredite, muitos acidentes com crianças bem pequenas acontecem no banheiro, principalmente, no vaso sanitário. 

Por isso, a dica é sempre que o banheiro não estiver em uso, procure o manter trancado, pois além do risco de afogamento no vaso sanitário, ainda há o piso escorregadio e possível presença de medicamentos e objetos cortantes neste ambiente. 

Outra dica é manter a tampa do vaso sanitário também sempre fechada, pois as crianças têm um fascínio pelo vaso e descarga, e costumam espiá-lo, e podem se afogar, e bastam apenas 2,5 cm de água para que elas se afoguem. 

Outra dica é utilizar um dispositivo de segurança para evitar que as tampas do vaso sejam abertas com facilidade.

Enfim, todo cuidado é pouco em se tratando de banheiro, sem dúvida, um dos ambientes que mais oferecem riscos à segurança em casa.

Tomadas

Tudo é novidade e interessante no reino das crianças, e o fato das tomadas estarem na altura de seus olhos, faz com que elas despertem seu interesse, contribuindo para que venham a colocar o dedinho e tomem choques. 

Uma dica para evitar acidentes desse tipo é comprando plugs ou protetores específicos para tampar as tomadas.

Armários e Gavetas

Um poço de perigo, muitas vezes, está escondido em armários e gavetas, que é onde costumamos guardar alguns objetos perigosos como facas, tesouras, canetas, remédios ou produtos químicos.

Isso sem falar que, ao abrir uma gaveta, ainda há o risco dela cair sobre a criança, causando sérios ferimentos.

A dica, nesse caso, é investir em travas específicas para portas e gavetas, que podem ser encontradas facilmente em lojas para materiais de construção e reformas.

Medicamentos

Uns guardam no quarto, outros no banheiro, alguns na área de serviço e tantos outros lugares, o fato é que com medicamentos todo cuidado é pouco.

Por isso, uma dica fundamental de segurança, é manter suas vitaminas, medicamentos, antissépticos bucais, pomadas e outros produtos em locais que não podem ser acessados por crianças, no alto e com tranca.

É bom ter em mente que a ingestão desse tipo de substância pode causar danos gravíssimos à saúde ou até mesmo levar à morte.

Plantas

Elas ajudam a purificar o ambiente e deixar a casa mais bonita, mas é preciso ter cuidado com o tipo de planta que possui em casa. 

Algumas plantas são tóxicas e, se ingeridas, fazem muito mal ao organismo. Por isso, antes de comprar uma planta, pesquise se ela oferece algum risco para as crianças.

E é isso, essas são algumas dicas de segurança para evitar acidentes com crianças em casa, e lembre-se, prevenir é sempre melhor do que remediar.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.